Contato Comercial (55) 3251-1816
www.nova99.com.br
Peça sua música (55) 3251-1792
Whatsapp (55) 9 9666 0113



Afetado por restrições na pandemia, Movimento Tradicionalista Gaúcho avança na retomada de atividades


Afetado por restrições na pandemia, Movimento Tradicionalista Gaúcho avança na retomada de atividades




As restrições de atividades em meio à pandemia de coronavírus afetaram diretamente os Centros de Tradições Gaúchas (CTGs), que dependem de eventos culturais, gastronômicos e esportivos para se manter, inclusive do ponto-de-vista financeiro. Com o avanço da vacinação e a queda progressiva nos índices de contágio, porém, a programação do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG) vem sendo retomada gradualmente.

Desde o começo deste ano, três rodeios já foram promovidos pela entidade, nas cidades de Chapada Gaúcha (MG), Luís Eduardo Magalhães (BA) e Balsas (MA). E um quarto evento da modalidade já está em fase de preparação, em Jataí (GO), sempre com a adoção dos protocolos sanitários recomendados.

Brasília

O assunto esteve na pauta de um encontro, em Brasília, entre o presidente da entidade no Planalto Central, Gilberto José Zortea, e a ex-senadora e atualmente Secretária de Relações Federativas e Internacionais do Rio Grande do Sul, Ana Amélia Lemos.

Na visita, Gilberto Zortea também informou à Secretária que o assessor de Assuntos Federativos da Serfi, Douglas Velasquez, ocupará a Diretoria de Relações Institucionais do MTG-PC, por estar sempre vinculado aos movimentos tradicionalistas gaúchos em Brasília, que representa o Planalto Central.

Congresso

O Conselho Diretor do MTG prorrogou até esta segunda-feira (18) as inscrições para o 69º Congresso Tradicionalista Gaúcho, que será realizado no dia 30 de outubro em Frederico Westphalen (Região Noroeste do Estado). Interessados devem acessar formulário disponibilizado no site oficial mtg.org.br.

“Não serão admitidas inscrições de pessoas não delegadas pelas entidades, exceto de autoridades convidadas para as cerimônias da abertura e encerramento e de integrantes da Cavalgada da Chama Crioula”, ressalta a instituição, acrescentando que:

“O delegado de entidade que não for o patrão, deverá juntar, no ato da inscrição, o documento de delegação, assinado por ele”.

De todos que comparecerem ao evento, será exigido o cartão de identidade tradicionalista válido pela entidade que representa (para os delegados, no mínimo um ano de cartão), ser maior de idade e comprovar ter recebido as duas doses, ou dose única, da vacina contra covid – também será aceito teste negativo para coronavírus, desde que emitido há no máximo 48 horas. O uso de máscara de proteção é obrigatório.

FONTE: https://www.osul.com.br/atingido-por-restricoes-na-pandemia-movimento-tradicionalista-gaucho-avanca-na-retomada-de-atividades/

Publicado em: 18/10/21