Surto de sarampo na Venezuela preocupa autoridades de saúde no Brasil

O vírus está em circulação há mais de seis meses na Venezuela, o que coloca em situação de alto risco todas as regiões vizinhas

Autoridades de saúde brasileira reforçam a vacinação contra o sarampo no norte do país após a confirmação de um surto da doença na Venezuela.

Diante do registro de 857 casos suspeitos de sarampo no estado de Bolivar, na Venezuela, e outros 465 confirmados, o Ministério da Saúdo do Brasil emitiu alertas para Manaus e Boa Vista (Roraima)para que intensifiquem as ações de imunização e prevenção.

Leia também: Alerta em Roraima devido a sete casos de sarampo na capital

Autoridades brasileiras reforçam que pessoas que viajarem para Venezuela fiquem atentas a essa questão e observem possíveis reações no organismo.

Em Manaus, o Ministério da Saúde afirmou que até o momento não há transmissão de sarampo no Brasil e assim o país permanece com certificado de eliminação da doença.

Pelo menos 40 mil migrantes estão morando em Roraima. Só em Janeiro 12 mil atravessaram a fronteira.

A preocupação das autoridades é que com o atual aumento do fluxo migratório um surto da doença possa voltar a ocorrer em território brasileiro. O vírus está em circulação há mais de seis meses na Venezuela, o que coloca em situação de alto risco todas as regiões vizinhas, afirma reportagem da Rádio EBC.

Nos últimos sete anos, toda a Região Norte registrou quatro casos de sarampo, três no Pará em 2010 e um em Roraima no ano de 2015. A vacinação é a melhor forma de evitar a doença. A tríplice viral, que combate sarampo, caxumba e rubéola está disponível no SUS. A vacina é aplicada em crianças de 12 meses e a segunda dose aos quatro anos.

Fotos e link total de:http://www.verdadegospel.com/surto-de-sarampo-na-venezuela-preocupa-autoridades-de-saude-no-brasil/

Gostou? Deixe seu comentário!

Olá, Gostou? Então compartilhe, divulgue nosso trabalho! A equipe Nova99,3 agradeçe .