Branco Mello se afasta dos Titãs para tratar tumor na laringe

O cantor e compositor Joaquim Cláudio Corrêa de Mello Jr., o Branco Mello dos Titãs, vai se distanciar dos palcos para se submeter a um tratamento contra um recém-diagnosticado tumor na laringe. A previsão é de que o músico fique três meses longe dos palcos e retorne para a turnê de lançamento do DVD da ópera Doze Flores Amarelas, último projeto da banda de rock paulista, que segue cumprindo sua agenda de shows, com Lee Marcucci no baixo, no lugar de Branco Mello.

“O titã Branco Mello ficará três meses afastado dos shows para tratar de um tumor na laringe, diagnosticado precocemente. Ele permanecerá recluso para tratamento e sua volta aos palcos acontecerá em breve, para o início da turnê do DVD da ópera Doze Flores Amarelas, que tem o lançamento programado pela gravadora Universal para o segundo semestre de 2018″, diz comunicado do grupo.

“Sérgio Britto, Tony Bellotto, Beto Lee e Mário Fabre continuarão na estrada, com a participação de Lee Marcucci – que já tocou com a banda e assumirá o baixo nesse curto período – honrando os compromissos dos Titãs até o retorno de Branco Mello. Os Titãs agradecem o apoio dos fãs e amigos”, conclui o texto.

Fotos e link total de:https://veja.abril.com.br/entretenimento/branco-mello-se-afasta-dos-titas-para-tratar-tumor-na-laringe/