Arcade Fire mostra nova turnê dançante e fecha Lollapalooza Chicago com cover de John Lennon

Arcade Fire fechou neste domingo (6) o Lollapalooza Chicago 2017 com o show dançante do disco “Everything now”, que vai passar pelo Brasil em dezembro. As faixas do álbum coproduzido por Thomas Bangalter, do Daft Punk, tornam o show ainda mais agitado do que o anterior, do disco “Reflektor”.

Mas foi uma música um pouco mais calminha, “Mind Games”, de John Lennon, que fechou o show e o Lolla. “Há tanto veneno no ar. Precisamos de paz e amor, e precisamos agora”, disse Win Butler ao anunciar o cover. Eles emendaram com trechos de “Karma Police”, do Radiohead”, “Oh! You Pretty Things”, de David Bowie, e “Wake up”, deles mesmos.

Foi um grande show para um público nem tão grande assim. É que, no fim da noite de domingo, muita gente já voltava para casa. A plateia estava bem mais vazia do que a de Chance the Rapper no dia anterior.

Win ainda falou de política antes de “Keep the car running”. Lembrou que a música foi feita na época da segunda eleição de George W. Bush nos EUA. “Já passamos por essa m** antes””, disse.

 

Lil Yachty (Foto: Grant Hodgeon/Divulgação)

Lil Yachty (Foto: Grant Hodgeon/Divulgação)

O rap ganhou

Após a consagração de Chance the Rapper no sábado, a maior surpresa do domingo foi a multidão que subiu até em árvores para ver o jovem Lil Yachty. O rapper de 19 anos, indicado ao Grammy por “Broccolli”, é a bola da vez na música dos EUA.

Parece que entre o fechamento do line-up, que botou Yachty em um espaço pequeno sem telão no meio da tarde, e a realização do festival, a carreira decolou e ficou maior do que o palco. O congestionamento de gente para ver o show era absurdo, a ponto de ter fãs se esbaldando em locais em que nem dava para enxergar o palco.

Era o mesmo lugar onde dava para ver veteranos do rock como o Live e Ryan Adams bem de perto da grade. Já para ouvir os raps-chiclete de Yachty, como “Peak a boo” ou “Minnessota”, era preciso chegar uma hora antes ou escalar alguma árvore.

 

Charli XCX (Foto: Greg Noire/Divulgação)

Charli XCX (Foto: Greg Noire/Divulgação)

Girl power

Também concorrido, mas não a ponto de faltar espaço, foi o ótimo show da britânica Charli XCX. Ela chamou a convidada surpresa Halsey para uma versão de “Wannabe”, das Spice Girls. (Halsey está de casinho com o rapper Machine Gun Kelly, que também cantou no domingo no Lolla, o que explica sua presença).

Outra convidada do show foi a rapper Cupcakke, uma espécie de Tati Quebra-Barraco de Chicago. A antenada Charli conseguiu manter o clima quente o tempo inteiro, lançando mão de colaborações e sucessos próprios como “Fancy”, “I love it” e “Boom clap”, e ainda um coro de “pussy pussy / power power”.

 

Logo depois dela, Tove Lo não chegou a conquistar a plateia da mesma maneira, mas confirmou o lugar na turma do pop feminino alternativo, especialmente em “Habits (stay high)”. Assim como no Brasil, tirou a camisa durante “Talking body” – o que nem fez tanta diferença, dada a transparência da peça.

Barulhos diferentes

Entre as inúmeras atrações eletrônicas do início do dia, havia coisa muito diferente em meio ao barulho que alguns podem achar que não dá para diferenciar. De um lado, o DJ Borgore tocava seu dubstep estridente. Ele ficou conhecido dos brasileiros no Lolla 2017, após as críticas às letras sexistas.

No palco logo ao lado, o som eletrônico do londrino Sampha parecia de outro universo. Os arranjos soul inventivos e a voz forte mostravam o repertório do disco “Process”. As músicas retratam como ele processou a morte de sua mãe devido a um câncer.

Sombrio e tocante – talvez fosse melhor para um show à noite. Mesmo assim, quem estava lá curtiu – mas de um jeito bem diferente do tumulto de Borgore. Tinha pra todo mundo.

 

Tove Lo (Foto: Charles Reagan Hackleman/Divulgação)

Tove Lo (Foto: Charles Reagan Hackleman/Divulgação)







Fotos e link total de:http://g1.globo.com/musica/noticia/arcade-fire-mostra-nova-turne-dancante-e-fecha-lollapalooza-chicago-com-cover-de-john-lennon.ghtml

Gostou? Deixe seu comentário!

Compartilhe seu comentário no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright - 2014-2017 Rádio Nova99,3 Iguaçu Fm. Santiago RS. Direitos Reservado. Designer Sttill Mag Jhonson Bravo.